CIVIDA: Um Aplicativo a Serviço da Saúde

Lucas cursava Sistemas para Internet na FACCAT (Faculdades Integradas de Taquara) quando decidiu inscrever seu projeto no 7º Prêmio Instituto 3M para Estudantes Universitários.

“Me vi numa situação crítica: precisava de equipamentos de saúde para atender à necessidade do meu sogro – que era portador de esclerose lateral amiotrófica – e não consegui gratuitamente. Então pude reconhecer o problema em nível nacional. Muitas pessoas passam pelo que passei e não têm condições financeiras para resolver. Como eu tinha o TCC para fazer na e pensei: será um sistema de doação e de empréstimos de equipamentos”.

O projeto foi aprovado para a etapa final e então, com a consultoria da AlfaSol, o projeto recebeu menção honrosa por ter sido o mais votado pelos voluntários do Instituto.

Em janeiro de 2018 iniciava o desenvolvimento do “Sistema de Empréstimo de Equipamentos Básicos de Saúde”, nome inicial do projeto, que posteriormente foi intitulado de CIVIDA.

Para o desenvolvimento do projeto o apoio da FECCAT foi fundamental, quando dois alunos bolsistas foram recrutados para auxiliar no processo. Nesta fase formou-se a equipe do projeto, composta por: Lucas Humberto Reinhardt (Idealizador), Fernando Lunardelli (Orientador Técnico), Jean Carlos Fragata (Testes de Sistema) e Stefânia Falcão (Marketing). Posteriormente Yuri Santos ficou responsável pela programação do aplicativo.

O CIVIDA é um aplicativo que visa proporcionar aos cidadãos uma alternativa para receberem equipamentos de saúde que possam ser emprestados ou doados pela população e/ou empresas também. O aplicativo serve como alternativa ao Sistema Único de Saúde, que se mostra ineficiente para atender a toda a demanda da sociedade. Através do CIVIDA serão conectados quem precisa de ajuda e quem pode ajudar, emprestando ou doando equipamentos.

Em seguida o projeto foi apresentado no Simpósio de medicina, onde surgiu uma parceria com a ARELA (Associação Regional de Esclerose Lateral Amiotrófica). Essa parceria ajudou a promover a visibilidade do projeto.

Hoje a equipe é formada por: Lucas Humberto Reinhardt (CEO Fouder)/ Fernando Lunardelli (CIO – Chief Information Office)/ Lee Jones (Gerente de Marketing e Relacionamento)/Claucia Ferreira (Assessoria de Imprensa)/Yuri Santos (Desenvolvedor)/ Jean Fragatta (Testes)/ Ricardo Lemes (Gerente Criativo)/ Alex Quintino (Fotógrafo) e Vitor Bastos (Redes Sociais).

Em 2 meses o CIVIDA já ajudou a  muitas pessoas e os números não param de crescer. O aplicativo tem a função não somente de auxiliar o acesso a equipamentos necessários à população, mas também de desenvolver a consciência do afeto, de olhar com empatia e ajudar o próximo.

Se você tem ideia para um projeto bacana e que possa auxiliar a população, faça como o Lucas e não perca tempo! Se inscreva no 8º Prêmio Instituto 3M para Estudantes Universitários.

Para conhecer mais sobre a CIVIDA, acesse:https://www.civida.com.br/