Qual seu estilo de aprendizagem?

Visual, auditivo ou cinestésico? Hoje, os educadores do projeto Educação Profissional tiveram formação e descobriram, por meio da oficina de Comunicação e Programação Neurolinguística, realizada pelo também educador Cleofas Jr Alves, qual melhor estilo de aprendizagem caracterizava cada um. O interessante é que os educadores podem levar esse conhecimento para sala de aula e trabalhá-lo com os jovens, respeitando a individualidade do estilo de aprendizagem e, quem sabe, desenvolvendo outros.
IMG_4798

Educadores participam do teste.

Você sabe qual o seu? Faça o teste:

 

Teste de neurolinguística – Você é visual, auditivo ou cinestésico? Pegue lápis e papel. Responda SIM ou NÃO para as perguntas das séries A, B e C abaixo:
SÉRIE A
1) Escrevo listas daquilo que tenho de fazer.
2) Realizo coisas desde que as instruções escritas sejam bem detalhadas.
3) Gosto de fazer palavras cruzadas.
4) Gosto de exposições e museus.
5) Localizo-me com facilidade, numa cidade nova, se eu tiver um mapa.
6) Todos os meses assisto a vários filmes.
7) Não tenho boa impressão de alguém, se estiver mal vestido.
8) Gosto de observar as pessoas.
9) Acho que flores realmente embelezam a casa e o escritório.
10) Mando consertar os arranhões do meu carro o mais rápido possível.

 

SÉRIE B
1) Gosto de longas conversas.
2) Gosto de programas de entrevistas, no rádio e na TV.
3) Sou bom ouvinte.
4) Prefiro os noticiários de rádio e TV do que jornais e revistas.
5) Sinto-me mal quando meu carro faz algum barulho diferente.
6) Quando ouço música presto muita atenção à letra.
7) Posso dizer muito sobre alguém somente pelo seu tom de voz.
8) Prefiro fazer uma palestra a escrever sobre um assunto.
9) As pessoas dizem que, às vezes, falo demais.
10) Costumo conversar comigo mesmo ou com meu gato / cão.

 

SÉRIE C
1) Quando ouço música, não consigo deixar de mexer as mãos e os pés.
2) Gosto muito de estar ao ar livre.
3) Tenho boa coordenação motora.
4) Tenho tendência a ganhar peso.
5) Gosto de criar animais de estimação.
6) Toco as pessoas quando converso.
7) Gosto mais de praticar esportes do que assistir a eles.
8) Adoro banho, piscina, sauna.
9) Gosto de levantar-me e espreguiçar-me com frequência.
10) Posso dizer muito sobre uma pessoa através de seu aperto de mão.

 

 

AVALIAÇÃO: Marque um ponto para cada resposta SIM e veja quantos pontos você fez em cada série.

 

Se conseguir mais pontos na série: A – Você é VISUAL B – Você é AUDITIVO C – Você é CINESTÉSICO
Observe também se existe uma grande diferença entre eles. Quanto mais próxima ela estiver, melhor, pois o ideal é termos os três canais desenvolvidos. O canal onde obteve o menor número de pontos é aquele que você precisa desenvolver. Agora veja as características de cada canal.

 

CANAL VISUAL
A pessoa com predominância do canal VISUAL, é ligada na beleza e estética, em formas e detalhes. Tem uma postura corporal rígida e sua respiração é torácica. Ela fala muito rapidamente porque as imagens se sucedem em sua mente como um filme. Entre o prático e o bonito, a pessoa VISUAL sempre escolherá o bonito. È uma pessoa obcecada por arrumação e ordem e para atender o que lhe dizem, a pessoa VISUAL precisa que “mostrem” o que é. O VISUAL não dá valor às palavras e não reage bem ao toque ao contrário da pessoa Cinestésica.

 

CANAL SINESTÉSICO
A pessoa com predominância do canal SINESTÉSICO é, dos 3 tipos, o mais sujeito ao sofrimento. Para esta pessoa todas as experiências são físicas. Esta pessoa prefere conforto à beleza e busca sempre o bem-estar, o prazer e o aconchego. Este tipo de pessoa precisa ser abraçada, tocada, beijada para que se sinta amada. Ela prefere roupas velhas e confortáveis, sapatos que não apertam, nadar, pisar na areia, estar junto da natureza. As pessoas SINESTÉSICAS possuem o tom de voz baixo, ritmo lento e respiração abdominal. Gostam de músicas lentas e baladas e se sentem agredidas quando não são correspondidas em sua necessidade de contato corporal.

 

CANAL AUDITIVO
A pessoa com predominância AUDITIVA, não dá grande valor às aparências, mas sim ao bom papo, bom senso e inteligência. São equilibradas e estão sempre prontas a discutir os problemas pois acreditam na lógica dos argumentos. O tom da voz é médio, a respiração é torácica e abdominal. A memória para os sons é fantástica: são capazes de lembrar-se de coisas que lhes foram ditas há muitos anos atrás. O barulho, vozes estridentes ou ásperas ferem as pessoas auditivas. Apreciam músicas com letras bem elaboradas, que passam uma mensagem consistente. Para ter certeza de alguma coisa, o auditivo precisa ouvir, do contrário, não acreditará.